Pular para o conteúdo principal

Dicas para máquina reta, overlock e galoneira

Algumas dicas legais. Já limpei minha overloque e a lubrifiquei rsrsrsrsrs, agora quero uma galoneira vou ver se quando terminar meu curso eu compro uma. Máquina Reta A primeira dica é tirar a chapa de agulha e fazer a limpeza dos dentes, pois, às vezes, fica muito pó e muito resíduo que vai forçando até a quebra da chapa. Tome cuidado com o tipo de agulha. Às vezes, as pessoas colocam um tipo de agulha muito grossa para uma chapa de furo fino que acaba danificando o orifício da chapa; então, a linha desfia e quebra a toda hora. Se mudar a espessura da agulha mais fina para uma mais grossa, normalmente acima do número 14, é necessário regular a lançadeira. Caso não seja feita essa regulagem, o bico da lançadeira poderá danificar-se. Tipos de agulhas. Se a máquina trabalha com a agulha DPx5 (cabo grosso) ou DBx1 (cabo fino), não tente mudar. As agulhas entram da mesma forma no encaixe, mas na hora de parafusar, o cabo pode ficar solto, o que também ocasiona falha de ponto. Outro motivo para a falha de ponto é a agulha estar torta ou com a cava colocada em posição errada; o lado correto é virada para dentro da máquina. Falha de ponto. Quando a agulha quebra e bate na lançadeira, ela danifica a lançadeira, criando uma rebarba. Isso faz com que a linha desfie ou quebre. A máquina também pode travar por falta de óleo na lançadeira se ele não estiver no nível correto ou quando a operadora deixa um excesso de linha muito grande na lançadeira e essa se enrola no espiral. Quebra de linha. A mola de tensão da caixa de bobina pode estar gasta ou estragada, o bico da lançadeira pode estar com rebarba ou a lançadeira desregulada, fora do ponto. Outro fator é o furo da chapa estar danificado, também com rebarbas. O cuidado com a lubrificação da máquina também é importante. O ideal é manter o óleo sempre no nível correto. Dependendo da vida útil do óleo e da quantidade de trabalho realizado na máquina, o prazo para a troca é de três a quatro meses. Existem alguns tipos de óleo que podem ser trocados a cada seis meses. Verifique o tipo de agulha que está usando, procurando usar agulha correta de boa qualidade e na posição certa, tomando o cuidado de sempre substituí-la quando estiver rombuda ou torta. Máquina Galoneira Limpeza da chapa de agulha. Tirar a chapa e limpa-la. O ideal seria a limpeza de todo o equipamento. Lubrificação. O mesmo procedimento de troca de óleo na máquina overlock você deverá adotar na galoneira. Verificar se o furo da agulha está danificado ou áspero, pois isso pode fazer com que a linha desfie ou quebre. O calcador da galoneira tem duas molas por onde entra sujeira e trava os guias laterais, que faz com que as molas se quebrem; outro problema é que as molas geralmente perdem pressão e quebram, o que pode fazer com que o ponto distorça. Verifique a centralização da agulha em relação à chapa, pois isso pode fazer com que quebrem a agulha, a linha e o looper, pois a agulha fica raspando no furo. Verificar o tipo de linha que está usando, pois, dependendo da qualidade, ela vai quebrar ou dar falhas no ponto; às vezes, o looper pode estar áspero, o que também gera a sua quebra. É preciso pedir ao mecânico que lixe e de uma polida no looper. Verifique o tipo de agulha que está usando, procurando usar agulha correta de boa qualidade e na posição certa, tomando o cuidado de sempre substituí-la quando estiver rombuda ou torta Máquina Overlock A limpeza da máquina é muito importante. Se a costureira deixar a máquina cheia de pó ou resíduos internamente, vai ocasionar muitos problemas. Um deles é quando fica muito resíduo de tecido e pó entre a chapa e o dente. O ideal é tirar a chapa e fazer uma limpeza. Se o corte da faca estiver ruim, ela pode “mastigar” o tecido, e se a faca não estiver regulada de acordo com o bico da chapa, sobra tecido na costura. O cuidado com a lubrificação da máquina também é importante. O ideal é manter o óleo sempre no nível correto. Dependendo da vida útil do óleo e da quantidade de trabalho realizado na máquina, o prazo para a troca é de três a quatro meses. Existem alguns tipos de óleo que podem ser trocados a cada seis meses. A passagem de linha errada não acerta o ponto, ou seja, também o faz falhar. Verifique se não há linha próxima ao volante, pois, se houver e não for tirada, ela pode se enrolar no volante e travar a máquina. (esta observação é valida para todos os tipos de máquinas de costura) Se a máquina travar mesmo, somente o mecânico deverá abri-la e verificar se alguma biela travou por falta de lubrificação, ou seja, fazer uma apuração mais detalhada. Verifique o tipo de agulha que está usando, procurando usar agulha correta de boa qualidade e na posição certa, tomando o cuidado de sempre substituí-la quando estiver rombuda ou torta http://mecanicomaquinascostura.blogspot.com.br/2009/10/dicas-para-maquina-reta-overlock-e.html

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vestidos Florais e o verão...

Bom dia A primavera está chegando, e com a temperatura mais alta os vestidos florais entram em cena. A estampa floral remete ao romântismo com muito colorido e cheios de vida. O verão é uma estação animada e colorida, por isso as grifes e marcas de vestidos apostam fortemente nessa tendência em suas coleções. No mercado estão disponíveis vários estilos de vestidos florais para o verão, desde curto até longo. Vestido floral curto: este modelo é ótimo para quem deseja sair durante o dia, mas, caso queira, poderá também ser utilizado durante o período noturno. O vestido realçará as suas pernas e a meia calça ou legging poderá ser uma opção de complementação. Existem inúmeras opções de calçados que poderão ser usado com vestidos florais curtos como: rasteirinhas, sandálias de salto baixo ou tênis. Vestido floral longo: Esta opção é perfeita para pessoas que não gostam muito de deixar as pernas amostra ou se expor muito. O vestido floral longo para o verão 2015 destac…

DIGA SIM PRA JESUS CRISTO, DIGA NÃO AO HALLOWEEN.

DEUTERONÔMIO 18:9 Quando entrares na terra que o SENHOR teu Deus te der, não aprenderás a fazer conforme as abominações daquelas nações. 10 Entre ti não se achará quem faça passar pelo fogo a seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro;11 Nem encantador, nem quem consulte a um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos;12 Pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao SENHOR; e por estas abominações o SENHOR teu Deus os lança fora de diante de ti.13 Perfeito serás, como o SENHOR teu Deus. APOCALIPSE 22: 14 Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas. 15 Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira.

Outubro Rosa lembra a importância da prevenção ao câncer de

A campanha de conscientização contra o cancêr de mama, conhecida como Outubro Rosa, é realizada por diversos entidades, no mês de outubro, e dirigida à sociedade, em especial às mulheres. Entre os temas do movimento, está a importância da prevenção e do diagnóstico precoce da doença. O nome da campanha remete à cor do laço que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades: o rosa. Durante o período, monumentos por todo o país se iluminam com essa mesma cor. O câncer de mama é o segundo tipo de câncer mais frequente no mundo e, apesar de também atingir os homens, as mulheres, acima de 35 anos, são o principal alvo. Prevenção O Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca) orienta que todas as mulheres conheçam seu corpo e sempre que possível, seja no banho, no momento da troca de roupa ou em outra situação do cotidiano, façam o autoexame das mamas. Segundo o Inca, não há técn…